PORQUE É QUE EU NÃO SOU UMA TESTEMUNHA DE JEOVÁ

O facto é que existem razões demais para expô-las aqui em poucas palavras, especialmente se é dada uma explicação Bíblica completa.

Mas, sejamos justos, seria um grande erro assumir que não existe nada de bom acerca das Testemunhas de Jeová. Há muitas coisas admiráveis acerca destas pessoas – a sua reverência pela Bíblia, o seu zelo sem igual na pregação daquilo que acreditam ser a verdade, a sua resolução inabalável de não ter nada a haver com guerras, a importância do baptismo pela imersão e muito mais.

No entanto, quando todas estas coisas boas são listadas, mantém-se o facto que, como um que quer a verdade Cristã acima de tudo, Eu nunca me juntaria às “Testemunhas de Jeová,” e aqui explico o porquê:

  1. Na grandiosa verdade básica da fé Cristã – a ressurreição do nosso Senhor Jesus Cristo – As Testemunhas de Jeová estão perdidamente desviadas do ensino do Novo Testamento (como tentarei mostrar a partir daqui). Então, se fosse mostrado que eles estivessem correctos em relação a tudo o resto, isto só por si só me afastaria dessa religião.
  2. O ensino e prática das T.J.(Testemunhas de Jeová) acerca do partir do pão(a ceia) em memória da morte de Cristo, está desviada do ensino e prática dos primeiros Cristãos. Eles celebram este evento uma vez por ano. Mais do que isso é errado, dizem eles.
  3. Eles dão grande ênfase à Segunda Vinda de Cristo, ainda que fosse da maneira correcta, isto seria esplêndido. Mas não. Eles costumavam dizer que Jesus voltou em 1914, invisivelmente, como um espírito, e que ele tem reinado desde essa época. No entanto, em anos recentes houve algumas mudanças. Agora dizem que em 1914 que Jesus tomou o lugar à direita de Jeová e assumiu a autoridade no céu como rei. Qualquer das duas interpretações parecem estranhas. O governo de Cristo, quer seja na terra ou desde o céu, não parece que fez muita diferença nesta confusão que o mundo se encontra. Cada vez pior; em vez de caminhar para um ideal divino! Muito estranho! E porquê 1914? Simplesmente porque um dos seus cálculos pré-1914 acerca da Segunda Volta de Cristo deu esse resultado. Mas Jesus disse: “Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.” (Mateus 24:36)
  4. Eles dizem que o Senhor Jesus redimiu pessoas – os 144000 de Revelação/Apocalipse – que serão levados para o céu para reinar o mundo desde daquela alta esfera(posição). Mas é fácil de ver (à primeira leitura) que Revelação/Apocalipse Capítulo 7 e 14 são passagens altamente simbólicas; Realmente, todas as Testemunhas de Jeová concordariam que são. No entanto eles pegam num detalhe e dão-lhe o sentido mais literal possível: exactamente 144000, dizem eles. E, em qualquer caso aqueles capítulos não têm uma palavra acerca de ir para o céu.
  5. O ensino das Testemunhas de Jeová acerca do Diabo é outro grande erro. É verdade que o Novo Testamento tem muito que dizer acerca de Satanás e do Diabo. Mas, ao errarem o sentido de duas ou três passagens dispersas, as Testemunhas apresentam um quadro de um arcanjo rebelando-se contra o Todo Poderoso, sendo expelido do céu (mas, estranhamente, não lhe são retirados os seu fabulosos poderes), e ainda tem liberdade total na terra de Deus para fazer o mal que quiser.

Isto está tudo errado. A Bíblia provê muitas pistas que mostram que Satanás é uma espécie de parábola para as tendências pecaminosas da nossa natureza humana. Você vê o Diabo cada vez que se olha ao espelho. Esta visão enquadra-se no ensino Bíblico e com toda a experiência de tentação e pecado. A maldade está em nós mesmos, (veja, por exemplo, Jeremias 17:9; Mateus 15:18,19), e não de uma invisível influência exterior. Muito mais poderia se escrever acerca disto, mas não há espaço suficiente.

6. Como Cristadelfiano que crê que Israel tem ainda um grande papel a desempenhar no propósito de Deus(Yahweh), I acho particularmente desagradável a insistência das Testemunhas que Deus(Yahweh) rejeitou os Judeus para sempre e que não tem mais uso para eles como nação. Insistem que não existem profecias Bíblicas acerca do retorno dos Judeus à Palestina, e que Jesus nunca será rei dos Judeus, sentando-se no trono de David em Jerusalém. Eles parecem não encontrar lugar para afirmações Bíblicas acerca de Israel sendo “amados, por causa dos pais”( ou seja, por causa de Abraão, Isaque e Jacó), Que erro! Que omissão! No entanto quão directo é o ensino Bíblico acerca daquela nação, em relação ao presente e futuro.

7. Conjuntamente com isto existe outro ponto quase tão importante – Estas pessoas não têm o direito ao nome Testemunhas de Jeová! Jeová(ou mais correctamente Yahweh) é o nome de Deus. Mas segundo o profeta Isaías, as Suas Testemunhas são o povo de Israel que estão cegos e surdos em relação à palavra de Deus “Trazei o povo cego, que tem olhos; e os surdos, que têm ouvidos... vós sois as minhas testemunhas, diz o SENHOR(Yahweh)” (Isaías 43:8,12) – os outros versículos que isto se refere aos Judeus. Mas eu nunca encontrei uma Testemunha de Jeová que soubesse que o seu nome religioso tinha sido mal escolhido, e que de qualquer caso descreve aqueles que são espiritualmente surdos e cegos. Você pensaria que eles quereriam mudá-lo. Uma T.J. a quem eu mostrei isto, mudou imediatamente de religião (deixem-me dizer que esta não foi a única razão).

Agora voltando ao ponto mais importante de todos – o grave erro das T.J. acerca da Ressurreição de Jesus. Eles afirmam:

(h) O Senhor Jesus deu o seu corpo como resgate pelos pecados.

(i) Logo, não pode receber o seu corpo de volta no dia da sua ressurreição.

(j) Assim, quando apareceu aos discípulos ele era um “espírito” (isto é, sem corpo material).

(aa) Mas ele parecia ter um corpo para ajudar a fraca fé dos discípulos.

Segundo a Bíblia, todos estes pontos estão errados.

A Bíblia em lado nenhum diz que ele deu o seu corpo como resgate. O que diz é que ele veio para dar a sua vida em resgate de muitos (Mateus 20:28). Logo, não há razão para Deus não restaurar Jesus naquele mesmo corpo que foi crucificado.

Isto é exactamente o que aconteceu. Jesus desafiou os seus espantadíssimos discípulos “Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho.” (Lucas 24:39). Lembra-se do duvidoso Tomé? “Põe aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos; e chega a tua mão, e põe-na no meu lado...” (João 20:27). E o Senhor Jesus na verdade comeu na presença deles. Eram todas estas medidas drásticas para provar que ele não tinha realmente um corpo?

Claro , o facto é indisputável que o corpo depois da ressurreição era em certos aspectos superior ao que foi crucificado. Ele era agora Imortal. “E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre.” (Revelação/Apocalipse 1:18). E o Jesus ressuscitado tinha também o poder de aparecer e desaparecer (Lucas 24:31), e de passar através de portas fechadas (João 20:19). Mas apesar disto, ele tinha um corpo real que podia ser tocado. Ele tinha as marcas dos mal tratos que sofreu no madeiro. (Lembre-se de Tomé: “Põe aqui o teu dedo”).

Logo, ao ensinarem que o Senhor Jesus ao ressuscitar era um ‘espírito’ sem corpo as T.J. vão contra o ensino evidente da Bíblia.

Um último ponto. Relembre qualquer Testemunha que você encontre que o túmulo estava vazio. O corpo tinha desaparecido. Pergunte-lhe: Se o corpo morto de Jesus não voltou à vida, o que lhe aconteceu? Eu tenho feito esta questão a T.J em 8 países diferentes, e recebi sempre a mesma resposta(com a mesmas palavras): “Jeová Deus dispôs-se(desfez-se) dele”. Eles não dizem isto porque a Bíblia o diz, mas porque isto é o que os seus livros vindo de Brooklyn dizem.

E é errado. Porque, no dia de Pentecostes, Pedro citou esta profecia do Velho Testamento acerca da ressurreição de Jesus: “Nem permitirás que o teu Santo veja a corrupção...nem a sua carne viu a corrupção.” (Actos 2:27,31). Logo, o corpo de Jesus nunca se corrompeu. Ele existe nalgum nado. Onde está? A Bíblia diz que foi ressuscitado para a vida, e glorificado. Jesus está agora no céu até ao dia do seu retorno corpóreo e visível. Mas as T.J. dizem: “Jeová Deus dispôs-se(desfez-se) dele”.

Agora pode ver porque eu não sou uma Testemunha de Jeová. Pode um Cristão verdadeiro ser uma Testemunha de Jeová?

HARRY WHITTAKER